Barcelona entrará na justiça contra Neymar

A negociação envolvendo Neymar, PSG e Barcelona continua movimentando o mundo do futebol. Segundo apurou o jornal espanhol Sport, o clube catalão deve acionar o jogador na justiça pela devolução da quantia que o clube deu ao atleta como prêmio pela renovação do contrato.

A negociação envolvendo Neymar, PSG e Barcelona continua movimentando o mundo do futebol. Segundo apurou o jornal espanhol Sport, o clube catalão deve acionar o jogador na justiça pela devolução da quantia que o clube deu ao atleta como prêmio pela renovação do contrato.

A guerra de interesses deve começar em breve e o Barça já se considera prejudicado pelo atleta, que teria agido de má fé com o clube. Segundo apurou o jornal, o time catalão não vai pagar os 26 milhões de euros (cerca de R$ 96 milhões) referentes à segunda parte da renovação de contrato.

O novo acordo foi firmado no dia 26 de outubro de 2016 e, a partir dele, a cláusula de rescisão de Neymar chegou aos tão contestados 222 milhões de euros (R$ 821 milhões).

A apuração do veículo espanhol ainda dá conta de que o Barcelona entende que está sendo enganado por Neymar e seu staff há muito tempo, inclusive quando se trata da duração da negociação do atleta com o PSG. Por conta disso, o Sport diz que o dinheiro referente ao prêmio está depositado em um fundo até que a decisão judicial seja anunciada.

A premiação já paga ao atleta também será cobrada pelo clube catalão. O Barcelona espera uma devolução proporcional ao tempo que Neymar atuou depois da renovação. A quantia deverá estar de acordo com o tempo de contrato firmado.

A situação entre Neymar e Barcelona, principalmente depois da saída do craque, deve desencadear encontros judiciais e trocas de farpas entre as partes envolvidas. A forma como as negociações foram conduzidas pelo jogador não deixaram a cúpula blaugrana satisfeita e a saída foi muito mais conturbada do que deveria.

Fonte: ESPN. Acesso em: 03/08/2017.

Voltar